O² Expedição

x0
Saída29/11/2014 08:50hJoinville - Expoville
Chegada29/11/2014 17:30hJoinville - Expoville
CustoR$ 24.00Compos+du lulis arce heil paulo
Pedalada108.0 km5h 58'18.1 km/h
ItinerárioJoinville - BR101 - RMs - SC108 - Est. Neudorf - Est. Duas Mamas - Schroeder - RMs - Santa Luzia - RMs - Ribeirão Grande do Norte - RMs - Jaraguá do Sul (Santo Antônio) - Schroeder - RMs - Guaramirim (Bruderthal) - SC108 - Joinville

Duas Mamas e Ribeirão Grande

Mais um gran reserva do Monsieur Heil, fruto do trabalho árduo da nossa sucursal catarinense. Há mais mistérios entre Xoinvile-Xereder-Xaraguá do que nossa vã filosofia curitibana pode imaginar.

Já que passeios com apenas uma serrinha podem causar pouco furor, nosso anfitrião condimentou o roteiro com duas grandes ascensões. Nada demais, nada mal. Nada que o próprio Mister não faça todo final de semana para descansar um pouco a cabeça e colocar o bigode ao vento.

Consumindo a habitual arrozdovia, chegamos ao primeiro e mais longo desafio: Serra das Duas Mamas. Mister nos explica que dependendo do ângulo, da distância, da nebulosidade e da imaginação - excluindo todos os morros cercanos, semicerrando o olho esquerdo ao elevar levemente o joelho direito - a serra lembra o formato de duas mamas.

Editor 1: Olhando assim até que lembra, mesmo.
Editor 2: Olhando assim, até um forno microondas lembra duas mamas!

Com tempo agradável, logo cruzamos a serra e ingressamos na civilizada Schroeder em busca de um chineque é coisa de curitibano pão doce. Sem muitas delongas, rumamos para o segundo e um-pouco-menos-comprido desafio do dia, Serra do Ribeirão Grande, na divisa Schoreder - Jaraguá do Sul.

A parte dura, mesmo, é a subida. Sério. Logo depois começa um asfalto que cruza a pacata e também-muito-civilizada região de Ribeirão Grande. A estrada estava tão sem movimento, mas tão sem movimento que em alguns pontos nós mesmos estávamos parados. Neste clima amistoso fomos agraciados com um Minicurso de Troca de Marcha com os Pés, ministrado com maestria pelo Arce, especialista em modalidades cicloexóticas há anos. Ninguém se arriscou a reproduzir, nem fotografar.

Dali pra frente não-mais-serras, apenas o habitual caminho-de-volta-do-mesmo-arroz-que-foi. Se você é fã das nossas Joinvilisses, pode levar inteiramente grátis, sem nenhuma taxa ou custo adicional, outros dois sabores da região: Volta do Rio do Júlio e Palmital e Saí Mirim. Satisfação garantida pela nossa filial de roteiros da melhor (qual)idade, a experiente equipe-de-um-catarina-alemão-bigode-homem-só.

Texto e comentários por du e lulis, fotos por lulis, roteiro por Mr. Heil.

Expedição publicada em 12/11/2015

Arquivo GPX Arquivo KML Mapa Dinâmico
Caro leitor, tenha cautela ao utilizar as georreferências, você é o único responsável pelo uso que faz das informações disponibilizadas pelo odois.org. Saiba mais.
Georreferências

Foto²s

Foto² 1
porque ninguém falou do paulo na história?

Foto² 2
não seja por isso, podemos falar do paulo agora

Foto² 3
depois a gente fala, vamos começar pela arrozdovia

Foto² 4
sua denominação vem do latim, "arroz": mais a parte de arroz, mesmo

Foto² 5
e "dovia": mais no que se refere ao tocante à parte da via, mesmo

Foto² 6
que por sinal vamos deixando pra trás rumo ao b. duas mamas

Foto² 7
ao fundo a b. duas mamas, com toda licença poética necessária e guardadas as devidas proporções

Foto² 8
b. deve ser o diminutivo de berra. é, berra das duas mamas

Foto² 9
mr. heil, invocando uma reunião pra explicar que na placa era "b. de bairro"

Foto² 10
- então, arce, vai rolar aquele curso de troca de marcha com o pé?

Foto² 11
- é, acho que não é muito fácil

Foto² 12
última curva perigosa, o fotógrafo disse que passou reto pra pegar de um melhor ângulo. arrã.

Foto² 13
falando em ângulo, agora é a hora de recomeçar com as retas

Foto² 14
pra trás ficam as mamas, no enquadramento apenas uma e meia

Foto² 15
trânsito agitado, aqui, só de bicicleta mesmo

Foto² 16
e de barro, mas não é muita coisa não

Foto² 17
arce usufruindo do sistema de mobilidade de Schroeder

Foto² 18
arce tentando evangelizar o pessoal para que não temessem essa estranha força que vem do céu

Foto² 19
arce du quase acreditando em tudo que ele dizia

Foto² 20
arcebispo dando um super apoio para legitimar as piadas dos dois últimos comentários

Foto² 21
finalmente vamos falar do paulo

Foto² 22
precisamos falar sobre ele, mas ele sumiu nessa foto e isso seria contra as regras

Foto² 23
não que sumir da foto seja contra as regras, o que é não pode falar da pessoa quando ela não está

Foto² 24
arce fazendo turtle-slalom durante o minicurso, pra aquecer

Foto² 25
mas na prática, ó lá: as pessoas falam mesmo é quando outrem não está!

Foto² 26
shhhh... olha o paulo aí, não vamos falar nada

Foto² 27
- vâmo parar com isso, o paulo é ciclista nativo, companheiro de pedal do Mr. na sucursal catarina

Foto² 28
falando em catarina, esse ribeirão é grande mesmo, tá difícil conseguir atravessar

Foto² 29
finalmente, uma paradinha. o fotógrafo estava tão morto que nem tentou aparecer

Foto² 30
mais uma serra atravessada, dessa vez com menos imaginação na rotulagem

Foto² 31
olha o passarinho close na banana pra parar com essa fixação em montanha

Foto² 32
falando em fixação, acho que o du vai ficando por aqui mesmo, tá faltando tira pra seguir

Foto² 33
finalmente² deram uma chance pro paulo aparecer e contar uma anedota

Foto² 34
o roteirista preferiu não seguir nenhuma das orientações turísticas

Foto² 35
tá com pressa pra chegar pra janta, Mr?

Foto² 36
retiramos as críticas ao roteirista, manja muito dos caminho alterna

Foto² 37
a essa hora a coisa tava ficando preta de verdade

Foto² 38
nada, era só a exposição da foto mesmo

Foto² 39
e, falando em exposição, você conhece o expoville? expofim de expedição!

Heil
[13/11/2015 06:40h]
Bonita região para pedalar e em ótima companhia.
Fabricio Souza
[13/11/2015 08:48h]
Rota adicionada para futuras explorações xoinvillenses, mas vocês passaram por Dedo Grosso e não falaram nada?
Heil
[13/11/2015 12:21h]
Fabrício: a localidade de Dedo Grosso fica a esquerda de onde entramos para Duas Mamas (dobramos a direita). Além disso,abolimos o Dedo Grosso. Ficamos apenas no teste de PSA que dá um bom resultado.
Caro leitor, sinta-se livre para comentar sobre esta expedição! Embora o O² não se responsabilize pelo conteúdo dos comentários (vide nossa política de uso), perceba que aqueles julgados inadequados serão enviados ao limbo eterno. Sem volta. Nem pedalando.

o² expedição · cicloturismo | 2003 · 2016 | curitiba · brasil | permitida reprodução desde que citada explicitamente a fonte: odois.org | política de uso | webdesign por lulis

firefox chrome opera ie 8+ CC-BY-4.0